O que podemos esperar da E3 2017?

Começa amanhã a E3 (Electronic Entertainment Expo) 2017, o maior evento de games do mundo. Depois de muitos rumores e listas falsas sobre as apresentações das principais empresas, decidimos palpitar sobre o que podemos esperar sobre as três gigantes dos games: Microsoft, Sony e Nintendo.

Microsoft

Todos esperam detalhes sobre o Scorpio, sucessor do Xbox One. Trata-se do console mais poderoso já feito, então podemos aguardar uma apresentação focada em jogos em desenvolvimento para o Scorpio, já que o seu potencial gráfico já foi explorado. Entretanto, o maior problema da Microsoft atualmente é falta de novidades.

Por mais que sejam jogos de muita qualidade, ninguém aguenta viver apenas de Forza (que estará impecável mais uma vez), mais algum Gears of War ou Halo. A apresentação seria ótima apenas com demonstrações do console, mas seria ainda melhor com novas IP’s. A Microsoft precisa convencer as pessoas que vale a pena pagar caro em um Scorpio.

Sony


Quando todas as atenções estiverem direcionadas ao Scorpio, a Sony precisa atrair o foco novamente. Para isso, apostamos em novos detalhes de God of War, Days Gone, Uncharted: The Lost Legacy e mais informações sobre o esperado The Last of Us: Part 2. Um destaque pode ser Detroid: Become Human, do estúdio responsável por Heavy Rain e Beyond: Two Souls.

Outros jogos aguardados podem dar as caras, como Spider-Man, Gran Turismo Sport e alguma DLC de Horizon Zero Dawn. Podemos esperar novidades sobre o PlayStationVR e o PS4 Pro.

Nintendo


Com o enorme sucesso de vendas nos primeiros meses do Switch, a Nintendo finalmente tem um período para apresentar jogos, incluindo novidades para o Virtual Console. Com foco principal em Super Mario Odyssey, estratégia que deu certo no ano passado com The Legend of Zelda: Breath of the Wild, são aguardados os últimos detalhes sobre Splatoon 2 e ARMS, que serão lançados em breve. Também devem ser mostrados informações sobre Pokemon Ultra Sun, Pokemon Ultra Moon e o novo Pikmin de 3DS para o possível sprint final do portátil lançado em 2011.

Seria ótimo se fossemos surpreendidos por um novo Metroid, F-Zero ou Donkey Kong, porém é muito importante para a Nintendo mostrar que a parceria com as third parties está mais forte do que nunca. Isso é essencial para conquistar de uma vez por todas os jogadores hardcore desta geração. Com uma apresentação com mais anúncios de jogos de thirds, novidades de franquias próprias praticamente esquecidas e menos ports de Wii U, seria ainda mais difícil encontrar um Switch na prateleira das lojas. A Nintendo tem uma máquina de fazer dinheiro, basta saber lidar com estas parcerias.

Confira abaixo a programação da E3 2017:

Sábado, 10 de junho
Electronic Arts – EA Play (16h)

Domingo, 11 de junho
Microsoft – Xbox (18h)

Segunda-feira, 12 de junho
Bethesda (1h)
Devolver Digital (2h)
PC Gaming Show (14h)
Ubisoft (17h)
Sony – PlayStation (22h)

Terça-feira, 13 de junho
Nintendo (13h)

Compartilhe nas suas redes sociais!

Comentar Via Facebook

Comentários

Related posts

Leave a Comment