Um álbum pop com propósito: ouça “Witness”, novo trabalho de Katy Perry

Com músicas que vão do pop dance ao hip hop, o novo álbum de estúdio da cantora norte-americana Katy Perry foi lançado oficialmente nesta sexta-feira (9).

Música pop não é só aquela que te faz dançar a noite toda em uma festa. É possível fazer uma música pop de qualidade – ou um álbum cheio delas – colocando ótimas letras, temas/críticas sociais e ritmos que englobam outros gêneros como hip hop, R&B e disco. É com essa ideia que Katy Perry lança seu novo álbum de estúdio, Witness, pela Capitol Records.

O lançamento oficial ocorreu hoje, dia 09, mas as 15 faixas inéditas que compõem o disco vazaram na internet um dia antes. O público já conhecia três faixas do novo trabalho: Chained To the Rhythm (feat. Skip Marley), Bon Appétit (feat. Migos) e Swish Swish (feat. Nicki Minaj). Katy parece ter divulgado propositalmente os feats primeiro e deixado as obras-primas do CD (ou os “hinos”, como diriam os fãs) para serem testemunhados apenas em seu lançamento oficial.

Witness é um álbum bem coeso. Temos desde faixas dançantes como Swish Swish e Bigger Than Me, até belas baladas como Save As Draft e Miss You More. A própria Katy Perry descreveu seu novo álbum como um “pop com propósito” e disse estar muito orgulhosa de entrar em uma era definitivamente nova.

A primeira faixa, “Witness”, é uma música que vai crescendo conforme o ouvinte entra na atmosfera do álbum. É um pop quase tímido, mas com uma ótima letra que fala sobre a busca pelo amor. Na sequência, “Hey Hey Hey” apresenta um refrão chiclete típico das músicas farofas das cantoras pop, mas tem um grande potencial para se tornar um hit. Logo depois, a canção “Roulette” nos envolve em um clima contagiante, quase psicodélico, sendo, inclusive, um dos pontos altos do disco.

Witness – Singles

Em fevereiro de 2017, Katy Perry lançou “Chained To the Rhythm”, o primeiro single do álbum que viria a se chamar Witness. A canção, de vibe quase vintage, traz uma crítica sobre pessoas que vivem dentro de uma bolha e, assim, fazem vista grossa para uma série de problemas. “Sim, pensamos que somos livres / Beba, essa é por minha conta / Estamos todos acorrentados ao ritmo”, canta Katy Perry no refrão.

Na sua sequência, foi divulgada, em abril do mesmo ano, a faixa “Bon Appétit” que conta com a participação do grupo de hip hop Migos. O ritmo dance pop/disco é acompanhado de uma letra “bastante sexual”, como a cantora descreve. Aliás, não é de hoje que Katy faz músicas com duplo sentido… é só parar para ouvir “Peacock”, do Teenage Dream (2011) ou “Birthday”, do Prism (2013), por exemplo.

“Saindo direto do forno o tipo de amor que derrete na sua boca. Bom apetite, baby!”

O terceiro single do álbum, “Swish Swish”, tem a participação da rapper Nicki Minaj e é provavelmente uma das músicas mais comerciais do Witness. Existe uma teoria de que a música seja uma indireta para a cantora Taylor Swift. “Então mantenha a calma, querida, eu vou continuar por aqui por mais do que apenas um minuto, se acostume”, diz o refrão. Vale lembrar que a música “Bad Blood”, de Taylor, também foi interpretada como uma mensagem para Katy.

Sendo verdade ou não, Swish Swish é uma ótima e dançante música. Independentemente do propósito da letra ou da [desnecessária] competição no mundo da música pop, mas você pode ouvi-la abaixo (junto com todo o álbum):

Witness – Tracklist

1. Witness
2. Hey Hey Hey
3. Roulette
4. Swish Swish (feat. Nicki Minaj)
5. Deja Vu
6. Power
7. Mind Maze
8. Miss You More
9. Chained To The Rhythm (feat. Skip Marley)
10. Tsunami
11. Bigger Than Me
12. Bon Appétit (feat. Migos)
13. Save As Draft
14. Pendulum
15. Into Me You See

Gostou do Witness? Deixe seu comentário abaixo!

Curta o Dentro da minha TV no Facebook

Compartilhe nas suas redes sociais!

Comentar Via Facebook

Comentários

Eduardo Silva
About Eduardo Silva 89 Articles
Jornalista. Gosto de raposas, Nutella e boas playlists no Spotify!

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*